Programação XXVI Festivale – Festival de Teatro do Vale do Paranhana

Segunda-feira 24/06 (Ingresso 1kg de alimento não perecível)
14:30 – Abertura Oficial do XXVI FESTIVALE
15:00 -    Espetáculo Infantil
O circo do mundinho feliz
Grupo Teatro Por Que Não?
Direção: Aline Ribeiro e Felipe Martinez
Cidade: Santa Maria/RS
Gênero: Comédia (classificação livre)
Sinopse:
Mundinho era o palhaço mais dedicado que surgiu no Circo Mofado. Dizem que era seu destino, que ao sair da barriga de sua mãe já tinha até um nariz vermelho! Mas a Dona Mofada, sua chefe, logo avisa que a vida no circo não é moleza e para alcançar o sucesso é preciso trabalho, trabalho, trabalho. Não basta fazer o público rir, tem que consertar malabares, dar banho em elefantes, fazer curativos no homem-bomba… Puxa, são tantas coisas! Será que deve se pensar apenas em trabalho? Em busca do sucesso, um palhaço pode acabar não enxergando as coisas ao seu redor e até deixar amores e amizades verdadeiras para trás. Ainda bem que cada um de nós sempre tem a chance de fazer seu mundo feliz novamente.

20:00 -    Espetáculo Adulto
Como se nada fosse
Grupo Mística
Direção: Janaina Castaldello
Cidade: Santa Maria/RS
Gênero: Drama (classificação 14 anos)
Sinopse:
Uma mulher se vê em frente a uma porta, acreditando ser aquela a porta de sua casa. Mas ao bater ninguém abre. Ela insiste, e nada. Porta fechada, decide ficar por ali. À beira desta porta, ela se depara com seus devaneios, memórias e confissões. Como se nada fosse, ela, a Mística, revela-se como uma aparição, um ser mulher, uma borboleta, uma criação. Ou um sonho. Talvez?

Terça-feira 25/06 (Ingresso 1kg de alimento não perecível)            
9:30 -    Espetáculo Adulto
Os Miseráveis
Efêmeros Teatro de Grupo
Direção: Juliano Rabello da Silva
Cidade: Porto Alegre/RS
Gênero: Drama (classificação 12 anos)
Sinopse:
Uma mulher relembra a trajetória de sua vida junto aos espectadores, sua história, marcada pela compaixão de um homem: seu pai adotivo, Jean Valjean, um ex-condenado que atravessa a França pós Revolução, preso por 19 anos por roubar um pedaço de pão, é libertado para uma vida épica de amor, morte, sangue e luta, em uma França que vive a violência e a miséria de um retrocesso sombrio, fazendo com que aqueles que lutam por sua liberdade, peguem em armas para reaver seus direitos. Uma livre adaptação do Efêmeros Teatro de Grupo para o clássico de Victor Hugo, um conto onírico e contemporâneo sobre a compaixão.

15:00 -  Espetáculo Infantil
Cada um cuida do seu nariz
Grupo Teatral In Love
Direção: Carine Setti
Cidade: Três Coroas /RS
Gênero: Drama (classificação 09 anos)
Sinopse:
Na escola somos tão parecidos, ao mesmo tempo em que tão diferentes. O difícil está em saber exatamente quem somos ou que queremos ser. Que tribo seguir? Como medir o valor de uma amizade? Como conquistar e ser amado por uma parcela significativa de colegas? Uma história que apresentará mais uma vez o bullying, que persiste no âmbito escolar, mostrando que não devemos julgar um menino pelo tamanho de seu nariz.

20:00 -    Espetáculo Adulto
“Sagrado Profano”
Grupo de Teatro Aquiagora
Direção: Marcelo Manique
Cidade: Três Coroas/RS
Gênero: Comédia (classificação 12 anos)
Sinopse:
Quem decide o que é “ser do bem”? Quem decide o que é “ser do mal”? Quem é digno do Paraíso? Quem passará a quilômetros de distância dele? Descubra junto com Teobaldo e Maristela, dois riquíssimos patrões, nesta comédia que nos coloca frente a frente com nós mesmos.
Ao se depararem com a morte, o homem e a mulher, que até então acreditavam que eram seres humanos extraordinários, percebem na marra que, na verdade, nunca foram tão exemplares assim. Barrados à porta do Céu, os inconformados empresários tentarão de tudo para conquistar seu direito primordial: entrar à Terra Prometida.

Quarta-feira 26/06  (Ingresso 1kg de alimento não perecível)             
9:30 -     Espetáculo Infantil
Joaquim e Joaquina
Grupo Teatral Tcharan
Direção: Coletiva
Cidade: Osório/RS
Gênero: Comédia (classificação livre)
Sinopse:
Era uma vez, aqui mesmo, no nosso mundo, Joaquim e Joaquina. Dois clowns com uma vida entre o amor e o ódio. Joaquina é explosiva, tem personalidade forte e muito preguiçosa. Joaquim não se envolve em briga e faz de tudo para agradar os outros. Os dois podem ser muito diferentes, mas como todos sabem, os opostos se atraem.

15:00    Espetáculo Infantil
A Incrível viagem do navio Geringonça
Grupo Núcleo Teatral
Direção: José Renato Leão
Cidade: Guaíba/RS
Gênero: Aventura (classificação livre)
Sinopse:
O espetáculo conta a história do Capitão Sete Mares e sua tripulação formada pelos marinheiros Fuso, Luneta e Escotilha, que viajam pelo mundo em fantásticas aventuras a bordo do navio Geringonça. Eles buscam através da imaginação resgatar a infância das crianças. Um dia deparam-se com Lara, uma menina que vive como um adulto, cheia de compromissos, vestindo roupas inadequadas a sua idade e o tempo todo usando um telefone celular. Quando ela embarca no navio Geringonça, desperta o poder da imaginação e descobre o prazer de brincar.
A história se desenvolve num mundo paralelo ambientado no universo steampunk, criado por autores consagrados como Júlio Verne e Philip Pullman, onde a tecnologia avançada e futurista, divide espaço com o víntage e o retrô. Os figurinos, cenários e adereços foram criados dentro desse padrão estético.

20:00 - Espetáculo Adulto
O que os olhos não veem...
Grupo Núcleo Teatral
Direção: José Renato Leão
Cidade: Guaíba/RS
Gênero: Drama (classificação 10 anos)
Sinopse:
O espetáculo conta a história de um Príncipe que vivia na opulência, cercado pelos muros de um palácio que o impediam de ver a miséria de sua cidade. Quando um dia, após sua morte, é transformado em estátua e colocado no ponto mais alto da cidade, ele se depara com a triste realidade. Impossibilitado de agir com as próprias pernas, vê numa menina de rua, ingênua e de bom coração, sua única esperança.

Quinta-feira 27/06  (Ingresso 1kg de alimento não perecível)           
9:30 -    Espetáculo Infantil
“Histórias com perfume de África que a tartaruga contou: a flor mágica do Baobá”
Coletivo Pyton
Direção: Coletiva
Cidade: Porto Alegre/RS
Gênero: Fantasia (classificação livre)
Sinopse:
Já imaginou uma engenhosa tartaruga que carrega histórias, tão antigas quanto a vida de seus ancestrais, em seu casco? Ela existe, se chama Ajapá e nos contará essa incrível aventura que se passa em um quilombo no Brasil. Neste quilombo há uma imensa árvore: o Baobá, que nascida tão longe das savanas e florestas africanas, chora de saudade dos parentes que nunca conheceu. Baseado em um dos contos do livro “Tem Oba Oba no Baobá”, de Claudia Lins e com ilustração de Maurício Negro, o Coletivo Pyton nos : conta essa mágica história a partir do teatro de sombras, com inspiração nas imagens da trilogia de animação “Kiriku”. Musicada e divertida essa história correrá o mundo como flechas mágicas.

13:30 - Espetáculo Adulto
Mata teu pai
Coletivo Pyton
Direção: Coletiva
Cidade: Porto Alegre/RS
Gênero: Drama (classificação 14 anos)
Espetáculo de Rua na Praça da Matriz
Sinopse:
Seis corpos. Diversas histórias e vivências. Recortes. Memórias. Afetos. Atravessamentos. Seis corpos. Vivo aqui. Terra da gente é terra da gente? Preciso que me escutem, foi aqui que chegaram estes pés. Como conseguir pertencer em meio a tantas fronteiras? A terra é de quem não tem a terra. Seis corpos ressignificando as delimitações sociais que lhes são dadas.

15:00 - Espetáculo Infantil
Junho: uma aventura imaginária
Coletivo Nômade de Teatro e Pesquisa Cênica
Direção: Thiago Silva
Cidade: Porto Alegre/RS
Gênero: Aventura (classificação 08 anos)
Sinopse:
Junho Frank é uma criança que foi encarcerada e protegida dentro de um castelo após a sua família ser perseguida na cidadezinha onde mora por conta dos livros que carrega. Porém, quando o seu Tio Cosme chega de uma de suas longas viagens com um livro diferente e misterioso, a vida de Junho se transforma em uma grande e divertida aventura, repleta de mistérios, imaginação e acontecimentos mágicos com novos e instigantes amigos.

20:00 -  Espetáculo Adulto
O Polvo
Coletivo Po(l)vo do Teatro
Direção: Marcelo Ádams
Cidade: Montenegro/RS
Gênero: Drama (classificação 14 anos)
Sinopse:
O Polvo é um espetáculo que se configura em oito cenas-tentáculos que, por meio de temas urgentes na contemporaneidade, expõe os subterrâneos das relações humanas que integram nosso mundo.
Com dramaturgia inédita criada para esse grupo de atores e atrizes, o espetáculo aborda feminicídio, abuso sexual de crianças, incesto e eutanásia, em cenas curtas e intensas realizadas por 14 atores que, além de atuar, executam a trilha sonora ao vivo.

Sexta-feira 28/06  (Ingresso 1kg de alimento não perecível)         
9:30 -    Espetáculo Infantil
As zebras escondem suas cicatrizes
Grupo Cômica Cultural
Direção: Fernanda Moreno
Cidade: Porto Alegre/RS
Gênero: Drama (classificação 08 anos)
Sinopse:
Você sabe por que as zebras possuem listras? Não? Através do olhar sensível e curioso de Ziza, invadimos o universo íntimo e fantástico de seis crianças escondidas em suas próprias camuflagens, às vezes são apenas crianças, outras vezes animais – que fogem de sua própria selvageria infantil.

13:30 - Espetáculo Infantil
Vida seca
Cia Etc I Tal
Direção: Max Reinert
Cidade: Navegantes/SC
Gênero: Drama (classificação livre)
Local: Espaço Cultural
Sinopse:
Livremente inspirada na obra “Vidas Secas” de Graciliano Ramos e na pintura “Retirantes” de Candido Portinari, a Cia. Etc I Tal, em comemoração aos seus 20 anos de carreira, apresenta “Vida Seca”.
O espetáculo, com técnica tradicional de bonecos de luva, apresenta personagens abalados pela seca, obrigados a migrar em busca de água. Personagens emblemáticas do imaginário brasileiro tem que lidar com a fome e a opressão, fazendo girar a roda da história. E então, tudo recomeça.

15:00 - Espetáculo Adulto
Teima filho, teima que dá
GET – Grupo de Estudos Teatrais de Gravataí
Direção: Izabel Cristina da Silveira
Cidade: Gravataí/RS
Gênero: Drama (classificação 12 anos)
Sinopse:
Nas entranhas que lhe apertam, como em um ventre seco, Severino sente o gosto amargo de uma terra de poucos donos. Onde nem mesmo a chuva arrisca, ali, sentar morada.
Uma terra que queima, arde, sufoca. Onde o homem vira bicho e o bicho vira homem e assim sendo, um só, se entrelaçam em um único passo que se desfaz na poeira agreste de uma vida severina... que teima em continuar.
Livremente inspirado nas obras de João Cabral de Melo Neto e Graciliano Ramos, TEIMA FILHO, TEIMA QUE DÁ traz à cena uma abordagem político-social contemporânea, poética e performática.


20:00 -  Espetáculo Adulto
A vida vivida de Zé Beré
Grupo Não Temos Nome Ainda
Direção: Fábio Ferraz
Cidade: Novo Hamburgo/RS
Gênero: Comédia (classificação 15 anos)
Sinopse:
Zé Beré é um jovem que, sem ter nada na vida, descobre o poder da conquista e os prazeres da carne. Em nome destes prazeres, se torna um aproveitador de mulheres, metendo-se em muitas confusões pelo sertão nordestino, colhendo os frutos de sua luxuriosa plantação. Um cordel que traz todos os elementos desta literatura que é patrimônio cultural brasileiro.

Sábado 29/06 (Ingresso 1kg de alimento não perecível)         
15:00 – Espetáculo Infantil – Convidado
Alice: além da toca do coelho
Grupo Soul
Direção: Sue Gotardo
Cidade: Porto Alegre/RS
Gênero: Aventura (classificação livre)
Sinopse:
Qual a única semelhança entre todos os seres do universo? Certo dia, Alice persegue um coelho branco de colete e relógio, caindo em um buraco que a leva para um lugar onde nem tudo é o que parece ser. E, ao se deparar com seres distintos daqueles que habitam o universo de onde veio, Alice encontra-se com diferentes versões de si mesma, questionando a realidade a partir das reflexões e aprendizagens presentes em sua jornada.
Alice: além da toca do coelho é um espetáculo baseado na obra clássica de Lewis Carroll que fala sobre amizade, curiosidade, empatia e os laços que nos unem apesar de nossas diferenças.

20:00 – Espetáculo de Dança Contemporânea - Convidado
Sete8ito – Impermanências
Direção: Marco Fillipin e Claudia Sachs
Cidade: Porto Alegre/RS
Gênero: Dança (classificação livre)
Sinopse:
SeteOito – Impermanências oferece a todos a observação de um mundo dinâmico onde a impermanência é inerente à vida. Revelar que as combinações são infinitas e que a vida é movimento. Que é necessário estarmos disponíveis. Uma obra artística que, sem pretensão, tem a intenção de contribuir com a reflexão sobre a possibilidade de “fazer diferente”, convidando as pessoas a visitarem o desapego, este estado de natureza búdica, que todos temos e que pouco sabemos. Um retorno ao ser humano como algo precioso, generoso e repleto de compaixão. Um convite ao fazermos juntos, nos responsabilizando juntos pelo momento presente.
       
   

 

 

 

 

 

 

21:00 – Encerramento e Cerimônia de Premiação
Domingo 30/06
20:00 -  Espetáculo Adulto - Convidado
Elas voltaram! E ainda mais maravilhosas
Grupo: Curto Arte
Direção: Carlos Alberto Klein
Cidade: Dois Irmãos/RS
Gênero: Comédia (classificação livre)
Sinopse:
Após muitos anos em cartaz com o espetáculo “Nós somos mesmo maravilhosas”a Curto Arte em 2019 vem com um novo espetáculo com estas lindas mulheres. Lúcia, Alvícia e Sidônia em uma comédia divertida e cheia de conflitos... Da simplicidade à vaidade! O ter é mais importante que o ser?
Ingressos para este espetáculo:
Antecipado: R$ 15,00
Na hora: R$ 30,00
Ingressos antecipados à disposição no Macke Ferragens


Avaliadores: Dionatan Rosa, Vika Schabbach e William Molina 
Mediador: Mauro Soares


Local: Sociedade Carlos Gomes – Rua Carlos Huff, 219 – Centro – Rolante






























Compartilhar